Artigos › 10/06/2021

O sabor da vida

O sabor da vida não está na boca de quem o saboreia. Seria ingênua demais se assim fosse. De repente, o sabor se torna amargo. Não que a vida seja. É amarga a boca que saboreia o sabor.

Saborear o sabor! A boca saboreia o sabor. Não, todavia! A boca, sim, saboreia o sabor da vida.

A vida dá o sabor à boca. Ela dá o sabor a quem saboreia o sabor.

O sabor da vida está em quem o saboreia.

O que é o sabor da vida? É, pois! A possibilidade de se vivê-la. Quem deixou de viver não mais saboreia o sabor da vida: porque não vive mais!

 

Este trocadilho de palavras eu escrevi quando morava no Lago Sul – Brasília-DF, 20 de abril de 2010.

Joacir Soares d’Abadia